quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Farto!

Estou Farto!
Farto de dizer o que ninguém entende,
Farto de tentar entender o que todo mundo diz,
Farto de explicar!
Farto dos que não ouvem conselho,
Farto daqueles que baseiam conselhos na subjetividade,
Farto dos que pra tudo pedem conselho!
Farto daqueles que não têm opinião,
Farto dos que impõem sua opinião,
Farto dos que não sabem ouvir um não,
Farto daqueles que pra tudo dizem: sim!
Farto da política,
Farto da corrupção,
Farto da omissão!
Farto dos homens que se acham os melhores,
Farto das mulheres que se acham as mais belas,
Farto daqueles que se acham um "nada"!
Farto dos que amam sem razão,
Farto daqueles que pra tudo querem ter razão,
Farto dos irredutíveis!
Farto dos que acham a perda insuperável,
Farto daqueles que não dão a volta por cima,
Farto dos insuperáveis,
Farto dos insubstituíveis!
Farto dos "melhores do mundo"
Farto dos maiores sucessos da última semana,
Farto da supervalorização!
Farto da hipocrisia que contamina os grandes exemplos,
Farto dos perfeitinhos,
Farto dos hipócritas!
Farto daqueles que são escravos do sistema,
Farto dos que vivem de aparência,
Farto da busca frenética por aceitação,
Farto dos que adoram a popularidade,
Farto do popular!
E se você não interpretou o que leu,
Estou farto também!

Farto!
Marcos Sorvane